Oficiais internacionais discutiram os desafios futuros da indústria de cromo e visitaram a nova fábrica de ligas de ferro do ERG, em Aktobe, como parte da conferência da Reunião de Membros da ICDA, no Cazaquistão

28.04.2017

O Eurasian Resources Group ("ERG"), um dos principais produtores de recursos naturais diversificados, auxiliou na organização da reunião anual dos membros da Associação Internacional de Desenvolvimento do Cromo (ICDA), em Astana. Este ano, os participantes da conferência também visitaram a nova fábrica de ligas de ferro do ERG em Aktobe, para uma turnê técnica especial. 

O ICDA é a voz única da indústria de cromo, que integra membros da mineração para o processamento, uso final e comércio, bem como qualquer empresa com interesse no cromo; sua história abrange mais de 30 anos. "Temos a imensa satisfação de dar as boas-vindas a todos vocês em Astana, que fazem parte da conferência internacional da ICDA, uma das maiores organizações da indústria", disse Benedikt Sobotka, CEO do ERG, em seu discurso na sessão de abertura.

No seu discurso de boas-vindas à conferência, o Sr. Alik Aydarbayev, Primeiro Vice-Ministro de Investimentos e Desenvolvimento da República do Cazaquistão, agradeceu a gestão do ERG e da Kazchrome, em nome do Governo, pela sua participação ativa e responsável, na implementação do Programa Estatal de Desenvolvimento Industrial e Inovador do Cazaquistão. Ele também transmitiu uma mensagem do Chefe de Estado sobre a terceira modernização e a introdução da "Indústria 4.0”.

‘De acordo com a Associação Mundial do Aço, o consumo mundial de aço atingirá 2 bilhões de toneladas até 2030, o que requer o desenvolvimento da produção de ligas de ferro e a respectiva base de recursos minerais. É bem conhecido que o ERG tem trabalhado continuamente nisso. O Grupo está implementando grandes projetos nas Usinas de Ligas de Ferro Aksu e Aktobe e na Usina de Mineração e Processamento de Minério de Donskoy", disse o Sr. Aydarbayev.

O Sr. Sobotka disse: ‘Acreditamos estar no início de um novo super ciclo de commodities de alto desempenho, como o cromo e também cobalto, que são necessários para alimentar a Quarta Revolução Industrial. O Cazaquistão é um país muito importante para a indústria do cromo. No Eurasian Resources Group temos 70 anos de existência, aplicados no atual estado de exploração. Eu considero este como sendo um grande sinal para a indústria, em termos de sustentabilidade da produção e oferta para o crescimento que estamos vendo ocorrer. Colocamos este foco crescente no desenvolvimento sustentável, que inclui metas de produção a longo prazo, contratos e planos de investimentos. ’

O Sr. Azamat Bektybayev, Primeiro Vice-Presidente e Vice-Presidente de Assuntos Técnicos da JSC TNC Kazchrome, fez uma apresentação à parte acerca do desenvolvimento do mercado de ferro cromo. O ERG é um líder global na produção de ferro cromo, por meio do conteúdo de cromo. A JSC TNC Kazchrome, de propriedade do ERG, é uma fornecedora estratégica de produtos de ligas de ferro para mercados asiáticos e europeus, incluindo a China. A sua gama de produtos inclui todos os tipos de ligas de ferro e matérias-primas para a produção de ligas de ferro, o que garante a flexibilidade em prol da fabricação, nas operações da Kazchrome.

‘Na Kazchrome, temos muito orgulho do fato de estarmos trabalhando no ambiente de sua grande história, que iniciou provavelmente há três gerações atrás, e continuarmos este caminho de desenvolvimento sustentável e a exploração de uma das melhores minas de cromo do mundo. Hoje, estruturalmente, esta é provavelmente a mina de menor custo do mundo, com sua plena integração: temos nossa própria ferrovia, nossa própria infraestrutura e posse, e nossos próprios redutores. Os riscos que você poderá encontrar em outros países são muito mais baixos aqui, no Cazaquistão. Também implementamos um programa abrangente em toda a empresa, focado nos elementos do Industry 4.0, que é a automação e uso de dados. Além da digitalização, estamos implantando tecnologias inovadoras, incluindo o pré-aquecimento de alimentos e processamento de pé de ferro cromo e de rejeitos", acrescentou o Sr. Sobotka.

Utilizamos cookies para propiciar uma experiência melhor e mais personalizada ao usuário que navega pelo nosso site. Se você continuar a navegar pelo site sem alterar as configurações, estará concordando com a utilização de nossos cookies. Para mais informações sobre o uso dos cookies, clique aqui.